Notícias

Curiosidades

Dicas

Artigos

Tenha um futuro profissional jurídico! veja dicas de estágio para estudantes de direito

goo.gl/jSzoQC | O estágio é um fator de suma importância na formação de um futuro profissional jurídico, pois por meio deste se põe em prática ou até mesmo se aprende acerca de assuntos interessantes para o mundo do direito. Isso não significa que aquele que não estagia, seja pela falta de vagas ou mesmo por não ter disponibilidade de tempo, não será um grande jurista. Porém se possível, você estudante de direito, faça um estágio.

Eu dividi todos os estágios na área jurídica em três grandes grupos: empresas, escritórios e órgãos públicos. A primeira pergunta que vem em mente é qual é melhor? A resposta é típica dos operadores do direito, ou seja, depende. Cada um tem suas vantagens e desvantagens, o fato é que é interessante priorizar um ramo do qual se pretende atuar ao concluir a faculdade. Isso já dá margem para outra questão, afinal como saber tão cedo qual área do direito seguir?

A boa notícia é que você não está obrigado a seguir carreira, no mesmo ramo onde se estagiou. Aliás é comum o estudante migrar de estágio ao decorrer do curso, até porque é interessante aprender coisas distintas, tanto a título de conhecimento, bem como para delinear uma área a se seguir, depois de formado.

Ao estagiar em empresas, o estudante tem chances reais de ser efetivado, até mesmo antes de se formar. Constantemente grandes empresas, estão disponibilizando vagas de estágio que costumam ser melhores renumeradas se relacionados a escritórios e órgãos públicos. Assim se você tem intenção de seguir uma carreira empresarial, tanto na área jurídica como seguir uma carreira executiva, é essencial aquirir fluência no mínimo em inglês.

Se você faz parte da grande maioria que entra no curso de direito visando exercer advogacia privada, isto é ter seu escritório, é interessante buscar estágio em escritórios. Pois poderá adquirir conhecimentos que serão importantes quando você for abrir seu próprio escritório ou até mesmo tem um emprego garantido, após passar na OAB. Normalmente dentre as opções abordadas nesse artigo, esse costuma ser o estágio mais cansativo, principalmente no que tange o trabalho externo.

Se por ventura, você estudante tem pretensão de seguir carreira pública seja como: promotor, juiz, procurador, dentre tantas outras, o estágio em órgão público é o ideal. Pois normalmente a carga horária é menor, o que lhe permite se dedicar com afinco aos estudos, lembrando que os concursos para cargos como o de Juiz, exige um grande empenho, o que significa que você terá de estudar muito mais do que aqueles que desejam serem advogados tanto em empresas como abrir um escritório.

Fonte: oportunidadesoabrj 

Nenhum comentário :

Agradecemos pelo seu comentário!