Notícias

Curiosidades

Dicas

Artigos

Veja 15 livros inspiradores e apaixonantes para advogados e amantes do Direito

goo.gl/LD65Sa | A literatura sempre soube aproveitar muito bem temas ligados a Direito, Justiça e advocacia. De clássicos a best-sellers, em prosa ou teatro, muitos livros trazem a área legal como cenário.

Recente pesquisa realizada pela Robert Half, com 350 profissionais do Direito dos Estados Unidos e Canadá, colocou o livro "O Sol é Para Todos", da escritora Harper Lee, morta neste ano, como o mais marcante nesta área. Entre advogados brasileiros entrevistados por Exame.com, o livro também apareceu nas indicações, ao lado de obras primas como "Crime e Castigo" e "O Processo".

Este último, um dos mais conhecidos livros de Franz Kafka, autor de A Metamorfose, foi uma das indicações do ex-ministro da Justiça, José Carlos Dias, advogado com mais de 50 anos de experiência na área criminal. “Sou um consumidor de livros”, diz ele, que na juventude publicou poesias e tem longa lista de escritores favoritos.

Entre os escritores brasileiros, cita, em primeiro lugar, João Guimarães Rosa, autor de "O Grande Sertão Veredas" como um de seus favoritos. Sua leitura, diz, sempre ultrapassou universo jurídico, mas para esta lista de livros especificamente ligados ao universo da Justiça e do Direito, ele, que defendeu mais de 500 presos políticos na época da ditadura militar, também indicou Memórias do Cárcere, de Graciliano Ramos. 

Confira, nas imagens, estas e outras dicas de literatura imperdíveis para advogados e estudantes de Direito

O Sol é para todos



O livro recebeu 46% dos votos dos advogados em recente pesquisa feita pela Robert Half com profissionais do Direito sobre os melhores romances na área legal. De longe, o mais lembrado.

“Um clássico da literatura e leitura indispensável a qualquer interessado em Direito”, diz José Carlos Junqueira S. Meirelles, sócio do escritório Pinheiro Neto Advogados. O livro, vencedor do Prêmio Pulitzer em 1960, conta a história de um advogado que defende um homem negro acusado de estuprar uma mulher branca nos Estados Unidos dos anos 1930.

Racismo e injustiça dão o tom da narrativa em que a visão infantil da narradora, filha do advogado, contrasta com a realidade violenta e preconceituosa do Sul dos EUA naquela época, segundo Meirelles. “Também é interessante a postura ética, corajosa e inteligente do advogado Atticus Finch, símbolo da importância social na defesa de valores e integridade do advogado“, diz Meirelles.

O Sol É Para Todos 
Autora: Harper Lee
Editora: José Olympio

O Processo



Obra-prima de Franz Kafka, "O Processo" é um livro de cabeceira para advogados, sobretudo, para aqueles que atuam na área criminal, segundo os entrevistados.

O livro que traz a história de uma pessoa que é processada sem saber o motivo foi indicado por dois advogados, o ex-ministro da Justiça, José Carlos Dias, desde os anos 60 atuante na área criminal, e pelo sócio do escritório MTFG Advogados, Fernando Guimarães. Também apareceu entre os citados pelos advogados entrevistados pela Robert Half nos Estados Unidos e Canadá.

“Aborda o total absurdo de uma pessoa ser processado sem que haja qualquer plausibilidade para tanto. Este livro é uma verdadeira bandeira contra injustiças e falta de qualquer direito de defesa”, diz Guimarães.

O Processo
Autor: Franz Kafka
Editora: Companhia de Bolso

Crime e Castigo



A culpa é central no clássico romance do russo Fiódor Dostoiévski, publicado em 1866. O livro traz a história de um jovem que comete um crime e não consegue seguir em frente, paralisado pelo remorso e pelo medo da punição.

A obra, que trata da busca do personagem por redenção, teve 5% dos votos na pesquisa realizada pela Robert Half com 350 advogados nos Estados Unidos e Canadá sobre os melhores livros com a área legal como cenário.

Crime e Castigo
Autor: Fiódor Dostoiévski
Editora: Martin Claret

A Firma



A vida de glamour, trabalho e pressão dos grandes escritórios de advocacia é o cenário do best-seller de John Grisham. “Apesar de ter sido escrito no começo dos anos 90, muito do que é descrito ainda é verdadeiro nas grandes firmas americanas de hoje”, diz sócio do escritório Pinheiro Neto Advogados, José Carlos Junqueira S. Meirelles.

O livro também apareceu na pesquisa realizada pela Robert Half, sobre os melhores romances na área legal. Teve 7% dos votos entre os 350 profissionais de Direito, entrevistados nos Estados Unidos e Canadá.

A Firma 
Autor: John Grisham
Editora: Rocco 

A Verdade Sobre o Caso de Harry Quebert



A dica de leitura é da sócia da área societária do escritório Lobo & de Rizzo Advogados, Daniella Tavares. O livro, do jovem escritor suíço Joël Dicker traz, a história de uma menina de 15 anos que se apaixona por um escritor de 30 e é assassinada. Seu corpo é descoberto após 33 anos.

“Certamente é um livro com alguns 'clichês', mas por outro lado nos lembra a importância de questionar, o que é essencial para o advogado, seja de que área do direito for”, diz Daniella.

A importância da atenção aos detalhes e da persistência também são mensagens presentes, de acordo com ela. “Um livro com tema denso, mas ao mesmo tempo leve e com pano de fundo uma história de amor”, diz.

A Verdade Sobre o Caso Harry Quebert 
Autor: Joël Dicker
Editora: Intrinseca

Memórias do Cárcere



“É o livro que Graciliano Ramos escreveu quando esteve preso”, lembra o ex-ministro da Justiça, José Carlos Dias. O relato sobre a  temporada na prisão durante a época do Estado Novo tem o gosto amargo de quem sofreu torturas e privações impostas por uma ditadura é uma dica de leitura de Dias, que tem no currículo a defesa de centenas de presos políticos durante a ditadura militar no Brasil.

Memórias do Cárcere
Autor: Graciliano Ramos
Editora: Record

1984



Sorria, você está sendo vigiado. Um ambiente confinado e infértil para a criatividade. Um novo mundo em que pensar não é permitido. Este é o cenário em que se passa a clássica história de Winston, em 1984, último romance do escritor George Orwell.

“Podemos transportar isso para a realidade de um mundo em que as pessoas pensam aquilo que é oferecido e não oferecem aquilo que é pensado, ou seja, um mundo em que pouquíssimas pessoas raciocinam e a massa populacional segue e só acredita no que foi imposto”, diz o especialista em direito empresarial Marcelo Domingues de Andrade, sócio do HGA Advogados e professor universitário.

1984
Autor: George Orwell
Editora: Companhia Das Letras

O mercador de Veneza



A peça de Shakespeare se passa em meados do século XVI em Veneza e tem como tema a discriminação praticada por católicos a judeus. A história se passa com Shylock (judeu) que empresta 3 mil ducados, com juros, à Antônio, mercador e cristão, para ajudar um amigo no encontro com a amada. António dá suas embarcações como garantia ao judeu.

“Além dessa garantia, a multa em caso de descumprimento do contrato seria uma libra de sua própria carne tirada do peito pelo judeu Shylock”, diz o professor universitário e sócio do HGA Advogados, Marcelo Domingues de Andrade. Sem condições de pagar a dívida, António descumpre o contrato e Shylock pede execução judicial.

“Mas no auge da sessão de julgamento surge Baltazar, advogado de Antonio, que faz uma excepcional interpretação do contrato firmado entre eles, argumentando que a carne poderia ser retirada de Antônio mas sem derramar uma única gota de sangue, pois esse não foi previsto em cláusula nenhuma do contrato”, diz Andrade.

O Mercador de Veneza 
Autor: William Shakespeare
Editora: L&PM

O primeiro ano - como se faz um advogado



Um dos primeiros livros do autor Scott Turow  traz o cotidiano de um estudante de primeiro ano do curso de Direito de Harvard. “É um retrato muito detalhado do ambiente competitivo e de grande pressão das faculdades de Direito de primeira linha dos EUA”, diz José Carlos Junqueira S. Meirelles, sócio do escritório Pinheiro Neto Advogados.

O Primeiro Ano- Como Se Faz Um Advogado
Autor: Scott Turrow
Editora: Record

Acima de Qualquer Suspeita



“Uma ótima história de tribunal”, diz José Carlos Junqueira S. Meirelles, sócio do escritório Pinheiro Neto Advogados. É o primeiro best-seller de Scott Turow - mesmo autor de O Primeiro Ano- como se faz um advogado - e ficou entre os mais lembrados pelos profissionais do Direito entrevistados pela Robert Half na pesquisa que revelou os melhores livros de ficção na área legal, com 7% dos votos.

Conta a história de um promotor público que investiga um assassinato de uma advogada. A continuação do romance, O Inocente, também foi lançada há alguns anos no Brasil.

Acima de Qualquer Suspeita
Autor: Scott Turrow
Editora: Record

Testemunha de Acusação



Uma testemunha de acusação que abala um julgamento do assassinato de uma senhora rica. “A história virou um filme espetacular do cineasta Billy Wilder, mas é, na verdade, um conto de Agatha Christie”, diz José Carlos Junqueira S. Meirelles, sócio do escritório Pinheiro Neto Advogados. Boa leitura para quem gosta de surpresas e reviravoltas, marcas dos livros da autora britânica.

Testemunha de Acusação
Autora: Agatha Christie
Editora: L&PM Pocket (edição digital)

Um pilar de ferro



O romance histórico que traz a trajetória pessoal e política de Marco Túlio Cícero, orador, escritor e político romano que trabalhou pela democracia e pela liberdade é indicado pelo sócio do escritório Pinheiro Neto Advogados, José Carlos Junqueira S. Meirelles. Júlio César, Catilina, o advogado Cevola, e o general Popmpeu também algumas das figuras marcantes que aparecem no livro.

Um Pilar de Ferro
Autor: Taylor Caldwell
Editora: Record

Samantha Sweet, Executiva do Lar



Este é um livro que pode agradar, sobretudo, as advogadas e a sugestão de leitura parte da sócia da área trabalhista de Lobo & de Rizzo Advogados, Andréa Giamondo Massei Rossi.

“Simplesmente amei o livro. É leve, divertido, mas ao mesmo tempo nos faz refletir sobre nossas prioridades. Tenho certeza que muitas colegas se identificarão com a personagem principal. Eu definitivamente me identifiquei. E chorei de rir ao me colocar no seu lugar”, diz.

Um bom refúgio para quem quer deixar um pouco de lado a seriedade do dia a dia, a história é de uma advogada workaholic que trabalha em uma das maiores firmas de advocacia de Londres. “Acostumada a lidar com contratos milionários e negociações complexas, descobre que sequer consegue manejar um aspirador de pó. Aprendendo a lidar com as tarefas cotidianas, se mete em situações hilárias”, diz Andréa.

Samantha Sweet , Executiva do Lar
Autora: Sophie Kinsella
Editora: Record

O Auto da Compadecida



A peça que projetou Ariano Suassuna também é uma dica de leitura e, para os advogados, o final do texto é o mais interessante. “Temos o julgamento do Chicó com Jesus de juiz, o Diabo de promotor e Nossa Senhora como advogada de defesa”, diz o sócio do escritório Pinheiro Neto Advogados, José Carlos Junqueira S. Meirelles.

O Auto da Compadecida
Autor: Ariano Suassuna
Editora: Nova Fronteira

A Casa Soturna



O sombrio romance de Charles Dickens escrito na metade do século 19 critica as leis por meio da história de processo judicial interminável sobre uma herança o impacto disso na vida dos herdeiros.

O livro foi o segundo mais votado na pesquisa realizada pela Robert Half, com profissionais do Direito nos Estados Unidos e Canadá. Teve 8% dos votos entre 350 entrevistados.

A Casa Soturna
Autor: Charles Dickens
Editora: Nova Fronteira

Por Camila Pati
Fonte: Exame

Nenhum comentário :

Agradecemos pelo seu comentário!