Notícias

Curiosidades

Dicas

Artigos

Tribunal de Justiça concede liberdade a advogado flagrado em motel com adolescentes

goo.gl/BIErZU | O desembargador Gilberto Giraldelli, do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, concedeu habeas corpus ao advogado Valdir Miquelin, de 50 anos, que havia sido preso em flagrante no dia 17 de fevereiro ao sair de um motel em Cuiabá com duas adolescentes de 15 e 12 anos de idade. Miquelin estava preso no Centro de Custódia da capital e foi libertado na noite dessa quarta-feira (8), mesma data em que o Ministério Público do Estado ofereceu denúncia contra ele.

Procurada, a defesa do advogado confirmou a soltura mas preferiu não comentar o caso. No pedido de habeas corpus, argumentou que Miquelin não oferece risco à instrução processual, que os fatos não têm relação com a função de advogado, e que ele atua em Lucas do Rio Verde, a 360 km de Cuiabá e, portanto, longe do endereço das menores de idade em questão.

O advogado responde por ter mantido relações sexuais com a adolescente de 15 anos na frente da outra garota, favorecimento à prostituição e por oferecer bebida alcoólica a menor de idade. Apesar de ter concedido a liberdade, Giraldelli fixou medidas cautelares contra Miquelin, como proibição de entrar em contato com as vítimas e comparecer a todos os atos do processo.

Na segunda-feira (6), Miquelin pediu o afastamento do cargo de conselheiro estadual da Ordem dos Advogados do Brasil seccional Mato Grosso. A OAB-MT decidiu pelo afastamento dele na terça-feira (7).

A Polícia Militar prendeu o advogado depois de ter recebido denúncia anônima sobre o crime. As duas adolescentes disseram à PM que foram abordadas por Miquelin na Avenida dos Trabalhadores, em Cuiabá, e disseram que ele ofereceu a elas dinheiro, bebidas alcoólicas e doces.

Por Carolina Holland
Fonte: g1 globo

Nenhum comentário :

Agradecemos pelo seu comentário!