Notícias

Curiosidades

Dicas

Artigos

Ataque ao judiciário: Bomba explode em Vara do Trabalho e prazos são suspensos

goo.gl/mZlpfr | A Vara do Trabalho de Sorriso (MT) foi alvo de um atentado a bomba nesta quarta-feira (5/4). Segundo a assessoria de imprensa do Tribunal Regional do Trabalho da 23ª Região, houve um princípio de incêndio que atingiu um ar-condicionado, um computador, uma cadeira, parte de uma luminária e uma mesa, mas ninguém ficou ferido.

O TRT-23 detalha que os responsáveis pelo ato ainda não foram identificados, e que os prazos ficarão suspensos até o próximo domingo (9/4). O site G1 informa que a bomba foi jogada em uma das janelas do prédio que fica no centro da cidade, distante 420 km de Cuiabá, capital do estado.

De acordo com a corte trabalhista, o incêndio foi controlado por volta das 3h30 da madrugada pelo Corpo de Bombeiros. Na sala onde a bomba caiu ficam uma estagiária e os assistentes de juízes. "Apesar de não ter atingido outros locais, internamente o prédio ficou chamuscado pela fumaça", destaca.

Até o momento, diz o TRT-23, não foram identificados danos aos processos físicos que ainda tramitam na unidade. "Desde 2013, a Vara passou a receber ações somente via Processo Judicial Eletrônico", explica.

“Todos os esforços estão sendo empreendidos para apurar o fato, sua motivação e, principalmente, a autoria desse grave delito, bem como a correspondente responsabilização perante o Estado. Nossas equipes internas também estão se empenhando arduamente para restabelecer, o mais breve possível, as atividades da unidade, sendo que os prazos processuais e o atendimento ao público estão suspensos até o final dessa semana”, afirma o TRT-23.

Em nota, a Associação dos Magistrados Brasileiros repudiou o ato, classificando-o como “mais um atentado contra a Justiça do Trabalho, que vem sofrendo, nos últimos meses, ataques de toda ordem”. “Trata-se de uma ação contra a independência e a integridade de juízes, servidores e de todos aqueles que utilizam aquelas instalações.”

Leia a nota:

"A Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB) repudia, com veemência, o atentado a bomba ocorrido na madrugada desta quarta-feira, 5, dentro de uma sala da Vara de Justiça do Trabalho, no município de Sorriso, Mato Grosso. Trata-se de uma ação contra a independência e a integridade de juízes, servidores e de todos aqueles que utilizam aquelas instalações.

É mais um atentado contra a Justiça do Trabalho, que vem sofrendo, nos últimos meses, ataques de toda ordem. A AMB se solidariza com os juízes do Trabalho de Mato Grosso e aguarda a apuração dos fatos para manutenção da ordem e da legalidade."

Jayme de Oliveira
Presidente da AMB

Fonte: Conjur

Nenhum comentário :

Agradecemos pelo seu comentário!