Notícias

Curiosidades

Dicas

Artigos

Advogado é preso por lutar com investigador e ameaçar delegada de morte (vídeo)

goo.gl/s7QGyp | O advogado Luciano Eduardo de Souza foi preso, na manhã de domingo, em flagrante, após lutar com um investigador, tentar agredir um delegado e ameaçar de morte uma delegada. O fato ocorreu nas dependências do 19° Distrito Integrado de Polícia (DIP), Ponta Negra, Zona Oeste de Manaus.

Segundo o delegado Paulo Benelli, titular do 19° DIP, o advogado chegou a delegacia e informou que sua moto há ia sido roubada. Em seguida ele ordenou que os investigadores e a delegada saíssem nas ruas para procurar sua moto.

Conforme Benelli, o advogado estava visivelmente alterado e fora do seu estado de consciência. Segundo o delegado, após muita discussão, Luciano tentou agredir com um soco um delegado e ameaçou de morte a delegada Juliana Viga.

Houve luta corporal entre o advogado e o investigador e em seguida Luciano foi preso. Ele sofreu um corte no supercilio esquerdo e o investigador uma lesão no dedo. Segundo Benelli, o advogado foi autuado por lesão corporal, ameaça, vias de fato, desacato, injúria, desobediência e resistência.

Após a prisão,  Luciano foi solto em audiência de custódia e vai responder pelos crimes em liberdade.

Histórico

O advogado é ex-investigador da Polícia Civil e foi exonerado da instituição após matar a tiros um policial militar em um bar. O crime ocorreu em abril de 2010 e, até hoje, não foi julgado. Na época, ele matou Andrius da Silva Bandeira após uma discussão em uma casa noturna na zona Oeste de Manaus. Luciano, que era conhecido como 'Caveirinha', confessou o crime mas mesmo assim responde em liberdade.

Ele também foi preso em 2009 por disparar três tiros dentro da boate Rêmulo's, ferindo três pessoas. Na época, ele efetuou disparos com uma arma PT.40, de propriedade da Polícia Civil.


Por Fábio Oliveira
Fonte: acritica

1 comentários :

  1. Anônimo5/6/17 13:21

    Senta o pau nesse idiota mesmo. Não sei como um verme desse fez parte da polícia civil.

    ResponderExcluir

Agradecemos pelo seu comentário!