Notícias

Curiosidades

Dicas

Artigos

Advogado que usava documentação falsa é preso suspeito de cometer homicídio

goo.gl/3V6rG2 | Papiloscopístas do Instituto de Identificação, órgão vinculado à Coordenadoria Geral de Perícias (Gogerp), e Peritos do Instituto Médico Legal (IML) ajudaram na investigação que levou a prisão de um advogado de 53 anos, natural de Umuaram (PR) . Segundo a polícia, ele é suspeito de realizar a comercialização de móveis e veículos com o uso de documentação falsa além de ter um mandado de prisão em aberto pela participação em um homicídio.

O suspeito tinha acabado de fazer a transferência de um apartamento, em um cartório no centro de Aracaju, quando foi abordado pela polícia. Ele foi flagrado com os documentos com nome e documentos falsos, constatado através de exames no Instituto de Identificação e no Instituto Médico Legal.

A polícia apreendeu com o suspeito quarto veículos e ao consultar a ficha criminal, percebeu que havia um mandado de prisão pela participação em um homicídio, expedido pela 2ª Vara do Tribunal do Júri da Comarca de Campo Grande, sendo condenado a cumprir 14 anos de prisão em regime fechado.

De acordo com a Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP/SE), as investigações iniciaram em novembro do ano passado, quando policiais receberam a informação que o suspeito estaria usando a documentação falsa, adquirida pelo valor de R$ 8mil. Ele comercializava imóveis, compra e venda de automóveis de luxo e também tentava agenciar bandas de outros estados.

Fonte: g1 globo

Nenhum comentário :

Agradecemos pelo seu comentário!