Notícias

Curiosidades

Dicas

Artigos

Investigada por abandono de filha diz que aumentou o volume do som do carro e não viu criança sair

goo.gl/p1uHyh | A mãe que está sendo investigada pela Polícia Civil por um suposto abandono da filha de cinco anos em uma via pública de Curitiba, disse que não percebeu que a criança estava fora do carro porque ela aumentou o volume do som para que a criança parasse de gritar.

"Nessa hora, estava bem alto, e, no calor de querendo que ela parasse, eu aumentei o som e achei que ela tinha parado. Quando eu não escutei mais, eu achei que ela tinha parado", contou a mãe, que não quis se identificar.

"A porta do meu carro é difícil pra abrir. E, na verdade, quando eu vi, ela já estava passando na frente do carro", ressaltou a mãe.

O caso ocorreu na quarta-feira (31), no bairro Novo Mundo, quando a mãe, que é vendedora, voltava da casa de uma das clientes. Imagens de uma câmera de segurança, divulgadas pela Polícia Civil nesta sexta (2), mostram a criança correndo atrás do carro. Assista ao vídeo abaixo


Segundo o delegado José Barreiro, em outro vídeo que circulou pelas redes sociais, a criança aparece chorando e gritando pela mãe. Segundo ele, a menina chega a passar na frente do veículo, mas a mãe estava com os vidros fechados e arrancou o veículo deixando a criança. Assista ao vídeo abaixo



A mulher contou ainda que quando percebeu que a menina estava fora do carro, ela parou o veículo para acolhê-la. "Foi rápido. Foi bem rápido. Tudo aconteceu muito rápido", explicou a mãe.

Ainda segundo a mãe, depois que a menina entrou no carro, as duas foram almoçar. Nós ficamos juntas, a gente se abraça muito, a gente se beija muito, nós demonstramos muito amor uma pela outra", explicou.

Investigação

O delegado da Polícia Civil José Barreiro disse que a mãe deve ser indiciada pelos crimes de abandono de incapaz e maus tratos. Ele também disse também que o pai da criança, que é separado da mulher, pediu a medida protetiva da menina e vai tentar a guarda dela.

O delegado disse ainda que abriu um inquérito para investigar o caso.

Na manhã desta sexta, Barreiro afirmou que a mãe iria se apresentar na delegacia até o fim do dia, mas o advogado dela, Dyogo Cardoso, disse que ainda não há data definida para que isso aconteça.

"Provavelmente amanhã definiremos isso de acordo com a disponidade da delegacia de polícia", afirmou.

Por Adriana Justi e Melissa Ferreira, G1 PR e RPC, Curitiba
Fonte: g1 globo

10 comentários :

  1. Anônimo3/2/18 11:52

    Ah, claro. O video realmente deixa explícito que ela não viu a menina, com aquelas mini arrancadinhas. Acho que ela estava querendo castigar a menina por algo - nao acho que seja desbaturada-, ensinar uma lição, mas escolheu o metodo errado.

    ResponderExcluir
  2. Anônimo3/2/18 12:27

    Vagabunda, merece a prisão!!

    ResponderExcluir
  3. Anônimo3/2/18 14:41

    Escolheu o "método errado"? A crianca ainda passa pela frente do carro, correndo o risco dela matar a filha. e ela ainda arranca!!! Bandida! Fora todo o terror causado a Própria filha...

    ResponderExcluir
  4. Desculpa esfarrapada. Se ela viu a menina quando esta passou na frente do carro, por que arrancou o carro?

    ResponderExcluir
  5. Anônimo3/2/18 16:36

    Mentira dela.Fez por maldade.Coitadinha da criança gritando daquele jeito.Que mãe eh essa?

    ResponderExcluir
  6. Anônimo3/2/18 19:04

    Alguém reparou que a menina feita "mãezinha quero ser sua". Está claro que está desequilibrada, que é separada, deve ter feito isto como chantagem emocional.Nao tem nenhuma nocao do que é ser mae.

    ResponderExcluir
  7. Anônimo3/2/18 21:33

    Já era pra estar no xilindro essa bandida, tomara que o pai desta criança tenha a guarda provisória sabe se lá do mais essa mulher é capaz de fazer com a criança.

    ResponderExcluir
  8. Anônimo4/2/18 07:00

    Esta mulher é visivelmente desequilibrada e deve perder a guarda da filha, antes que algo pior aconteça. Imagine os tipos de tortura psicológica que esta criança já sofreu.

    ResponderExcluir
  9. Anônimo4/2/18 09:48

    É tão fácil julgar os outros... Ninguém sabe o q acontece com a intimidade alheia. Não concordo com a atitude desta mãe, demonstrou muita imaturidada com suas atitudes, mas ninguém pode julgar q ela deva perder a guarda da filha por isso, quem garante q o pai é melhor? Dizem tanto q o mundo está perdido, mas todos q comentam só tem ódio nas palavras... Tentem rezar/orar para q está mãe amadureça, q possa educar com amor e fazer desta menina uma pessoa diferente do q ela é... Tenham mais amor no coração, cuidem mais de suas vidas, pois Jesus há muito nos ensinou: "quem nunca pecou, q atire a primeira pedra"

    ResponderExcluir
  10. Anônimo4/2/18 12:56

    Ela tem o vidro aberto porque a menina coloca o braço para tentar abrir a porta e se ouve ela a responder depois arranca com o carro .

    ResponderExcluir

Agradecemos pelo seu comentário!