Notícias

Curiosidades

Dicas

Artigos

Deputado apresenta projeto para suspender curso e prova teórica para renovação de CNH

goo.gl/pT5bXB | Contrariado com as novas regras para renovação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), o deputado federal gaúcho Jerônimo Goergen (PP-RS) apresentou um projeto de decreto legislativo para suspender a resolução que redefiniu a formação de condutores no país. O texto com as alterações foi editado pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran) e deverá entrar em vigor em junho.

Conforme a resolução, motoristas que desejarem renovar a CNH terão que fazer um curso teórico e uma prova, além do exame médico.  A medida deverá atingir cerca de 1 milhão de motoristas por ano no Rio Grande do Sul.

Conforme o deputado, o projeto de decreto legislativo é um instrumento que busca invalidar decisão administrativa. A intenção é suspender as novas regras do Contran, antes mesmo de entrarem em vigor.

Na avaliação de Goergen, a mudança nas regras de renovação da CNH tem caráter arrecadatório e vai estimular a ilegalidade.

– Tem dois pontos negativos: o custo e a burocracia. O cidadão não aguenta mais taxas e impostos. Além disso, vai produzir um efeito contrário. Em vez de termos motoristas mais preparados, haverá mais gente dirigindo sem carteira. É um estímulo à ilegalidade – disse.

Na próxima semana, o parlamentar pretende buscar, junto aos líderes na Câmara dos Deputados, urgência para o projeto, fazendo com que ele passe à frente dos demais e não precise enfrentar o trâmite pelas comissões.

– Tem apelo da sociedade. Se for ao plenário, acredito que aprovaremos – afirmou.

Fonte: gauchazh.clicrbs.com.br

8 comentários :

  1. O brasileiro só vive pagando impostos e agora vem com mais essa?
    chega de ladroeira, chega de tomar nosso dinheiro, não aguentamos mais tanta incompetencia desses orgãos, que vivem pra ferrar com nossa vida.

    ResponderExcluir
  2. Agora imagine uma pessoa de 60anos ou mais ter que fazer prova, e ter que acertar 21 DE 30 questões,isso é um cumulo,já sendo que em sua juventude já foi aprovado e quando chegar em sua velhice terá que andar a pé,por causa de uma regra besta cadê o direito adquirido em sua juventude, apoio o deputado gaúcho que vai entrar para anular essa baboseira, ass cleverson

    ResponderExcluir
  3. tem que ser anulada essa lei só para arrecadar dinheiro dos pobres não basta só o roubo da corrupção agora tem que tirar a única coisa que a pessoa tem sua habilitação já pagamos caro por ele uma vez tem que pagar de novo

    ResponderExcluir
  4. Quer dizer que de cinco em cinco anos temos que tirar uma nova habilitação é brincadeira tem que fazer tudo de novo desse jeito Querem Acabar com o povo com a quantidade de pessoas que têm carteira porque muita gente não tem condição de pagar novamente por uma única muita gente vai acabar perdendo o direito de dirigir por não ter dinheiro para pagar novamente por outra coisa país de políticos Miseráveis

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem que suspender mesmo nao é viável esse tipo lei.

      Excluir
  5. Isso e um abuso contra o cidadão de bem!!!

    ResponderExcluir
  6. É aquela velha máxima, onde cabe mais uma taxa, um imposto onde posso acrescentar uma nova lei para tirar do coro do povo, que já não tem de onde tirar dinheiro para pagar tantas pessoas egoístas e mesquinhas que querem tirar proveito de tudo, não se importando de quem vai fazer sofrer. No Brasil se entram especialistas na criação desse tipo de taxas, em contra partida poucos se preocupam com o povo, No Brasil se cobra muito mais em contra partida o que esses poderes públicos oferece para o povo, o meu salve para esse deputado que tomou a iniciativa.

    ResponderExcluir
  7. E se o motorista esqueceu a legislação?

    ResponderExcluir

Agradecemos pelo seu comentário!