Construtora deve devolver R$ 473 mil a comprador por atraso na entrega de imóveis

Um comentário

Um comentário

  1. Muito boa a decisão desse tribunal, também concordo que, nesse caso, não há caso fortuito ou força maior.

    ResponderExcluir

Agradecemos pelo seu comentário!