Dono da Havan é alvo de ACP por chamar advogados de “porcos” e "bando de abutres"

10 comentários
goo.gl/xUMDxM | A seccional da OAB de Santa Catarina ajuizou ação civil pública contra Luciano Hang, dono da Havan, após o empresário ter chamado os advogados de "porcos" e "bando de abutres" em suas redes sociais. Para a seccional, Hang excedeu a liberdade de opinião, na medida em que utilizou os termos pejorativos, desrespeitando a honra e a imagem da OAB.

No dia 5 de janeiro, Luciano Hang publicou uma imagem em suas redes sociais sobre a manifestação da OAB Nacional sobre o fim da Justiça do Trabalho. Como legenda de seu post, o empresário afirmou:
"A OAB ( ordem dos Advogados do Brasil) é uma vergonha. Está sempre do lado errado. Quanto pior melhor, vivem da desgraça alheia. Parecem porcos que se acostumaram a viver num chiqueiro, não sabem que podem viver na limpeza, na ética, na ordem e principalmente ajudar o Brasil. Só pensam no bolso deles, quanto vão ganhar com a desgraça dos outros. Bando de abutres."
A publicação teve mais de 30 mil curtidas e mais de 3 mil comentários. Diante da publicação, a OAB/SC propôs ACP defendendo que a "injusta a comparação da entidade e dos profissionais a ‘porcos’ e ‘abutres’ em seus perfis nas redes sociais, que contemplam milhares de seguidores, acabou por incitar o ódio e expor toda a classe ao desprezo público".
"Extrai-se que, ainda que garantida a liberdade de manifestação do pensamento, deve-se coibir os excessos que redundem em ofensa à honra das pessoas."
Assim, a seccional pediu, dentre outras coisas, a exclusão do conteúdo nas redes sociais e o pagamento de indenização por danos extrapatrimoniais coletivos, no valor de R$ 1 milhão.

Processo: 5000901-95.2019.4.04.7200
Veja a inicial.

Fonte: Migalhas

10 comentários

  1. ele tem que saber que ele nao é dono da verdade.se acha o dono da verdade

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. HONRA é um presente que um homem dá a si mesmo. Somente um homem pode se auto-presentear de HONRA; somente o mesmo pode se autodestituir da mesma.

    Quão bom seria se inseríssemos,nos recônditos de nossas almas, tão irrefutável e vital verdade!

    ResponderExcluir
  4. esta e a opinião e o desabafo de milhões de empresarios neste pais ....ja fui empresario e sei o que e vc pagar todos os direitos ao funcionario e depois ele procura um oportunista porco sem carater mentiroso...que mentem no processo infra os numeros para poder tirar o maximo que puder atraves de um acordo....pois o juiz nem quiz olhar as provas no dia so perguntava vai ter acordo ou NÃO....gracas a Deus isso esta mudando no pais ....e estes porcos e abutres que sao uma grande parte vai ter que advogar em outras causas ....agora se perder a causa vai ter que pagar as custa do processo parabens a nova legislação e aos bons juizes que ainda existem em nosso pais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aplausos para voce! falaste apenas a realidade cruel da maioria desses advogados, tiram o último sangue das criaturas menos atualizadas com esse mundo de inescrupulosos.

      Excluir
  5. Ele não disse ADVOGADOS ele disse OAB!

    ResponderExcluir
  6. Ele esqueceu de dizer que se não fossem os advogados ele era pra edtes preso...

    ResponderExcluir
  7. Luciano Hang no calor do momento acredito que tenha se excedido com palavras pejorativas, mas com certeza tem muita verdade no conteúdo, visto a lei injusta que favorece o empregado que recebeu o direito a reinvindicar o que não lhe e direito, com usura e muita leviandade que lhe é proposta no meio jurídico, só quem já sofreu com isso sabe a podridão que e.

    ResponderExcluir
  8. Se o todo poderoso da Havan não quer ter problema com a Justiça Trabalhista, que faça o que a lei determina. Será que o advogado do todo poddpode não o orienta sobre as normas trabalhistas?

    ResponderExcluir

Agradecemos pelo seu comentário!