Instituições de ensino: estas são as 5 melhores faculdades de Direito do Brasil

6 comentários
goo.gl/ds3Va8 | O curso de Direito da Universidade de São Paulo (USP) é o grande destaque brasileiro no mais recente ranking da consultoria QS, que analisa mais de 40 áreas de estudo de instituições de ensino superior de todo o planeta.

O departamento de Direito da USP ficou em 50º lugar na lista mundial. No topo do mundo está a Universidade de Harvard, seguida pelas britânicas Cambridge e Oxford. Ao todo, as universidades brasileiras aparecem 211 vezes nos rankings por áreas e estão presentes em 43 das 48 áreas de formação analisadas pela QS.

Da América Latina, a Faculdade do Largo São Francisco só perde para a Universidade Nacional Autônoma do México (1º lugar) e a PUC do Chile (2º lugar), e ficou em terceiro lugar do ranking.

A USP teve um bom desempenho na edição de 2018 do ranking, já que na comparação com o a versão divulgada no ano passado, a universidade não perdeu nenhuma área de estudo na lista.

Mas, no geral,  as instituições de ensino brasileiras pioraram de performance e o Brasil perdeu a liderança latino-americana para o México. O fato de a queda ser classificada como tendência é preocupante, segundo disse Ben Sowter, diretor de pesquisa da QS, ao site EXAME.

Confira o ranking de Direito:

(Clique sobre a imagens para ampliá-la)

Por Camila Pati
Fonte: Exame Abril

6 comentários

  1. O México não é um país latino-americano. Pertence a América do Norte assim como os EUA. Direito é bom mas geografia também é.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. México é o único país da America do Norte que compõe a America Latina, que é composta por países cuja língua é de origem romana.

      Excluir
    2. Pois é, vc precisa estudar geografia mesmo!!!! México é um país da América do Norte numa divisão geográfica. Divisão cultural, histórica, o México é da América Latina. EUA e Canadá é que são da América Anglosaxônica.

      Excluir
    3. Que burro da zero pra ele. Kkkkkkkk

      Excluir
  2. O Mexico pertence a America Central e não a America do Norte. Devido ao idioma espanhol e cultura é considerado da America Latina. Agora vc passa o tempo corrigindo coisas óbvias... O q esta acontecendo com as pessoas?

    ResponderExcluir
  3. Kkkkkk, tem muita gente aqui que precisa estudar. Existe duas formas básicas de regionalizar o continente americano : a regionalização que se fundamenta em critérios geofísicos divide o continente americano em três partes: América do Norte ( composta por EUA, Canadá e México), América Central e América do Sul. Do ponto de vista sócio - histórico, o continente americano pode ser dividido em América Anglo - Saxônica que é composta por países que tiveram um processo de formação similar baseado na colonização de povoamento e que falam predominantemente o inglês e , outrossim, a América Latina que é composta por países que sofreram um processo de colonização de exploração e que falam português ou espanhol. Vale ressaltar que o processo histórico é um fato mais importante para definir se um país é latino-americano ou ñ. Exemplo disso é a Jamaica que fala o inglês pq foi colonizado pelos ingleses, entretanto foi imposto na Jamaica a colonização de exploração, por isso esse país é considerado latino-americano.

    ResponderExcluir

Agradecemos pelo seu comentário!