'Nunca é tarde para os estudos' – Conheça a história do estudante de Direito de 77 anos

Nenhum comentário
goo.gl/eamt1b | Em cinco anos, a população brasileira com 60 anos ou mais cresceu 18,8%. Os dados são do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O estudo ainda indica que a população, ao envelhecer, ganhou 4,9 milhões de idosos desde 2012, passando do 30 milhões em 2017. Com o aumento da expectativa de vida, cresce também o desejo de realizar antigos projetos que na juventude não puderam se concretizar.

A formação universitária é um deles. A idade não foi impedimento para Osmar Jambeiro, 77 anos, prestar vestibular para o curso de Direito. O graduando não vê problema em ser o mais velho da turma de Direito da Unime, na cidade de Lauro de Freitas. Ao contrário, sente que serve de inspiração para colegas e muitos outros brasileiros que sonham em cursar uma faculdade mas julgam ser tarde por causa da idade. “Eu resolvi transformar em realidade um sonho antigo e afirmo: não abandone o sonho, por mais que seja a dificuldade”.

Osmar conta que já havia tentado três graduações: Contabilidade, Administração e Geografia. “Não consegui concluir devido a rotina de muito trabalho”. Ao se aposentar, resolveu então cursar Direito. “O importante na vida, é participar. E participando do processo de estudos, eu também tenho a compreensão melhor da sociedade hoje, principalmente da juventude”, acrescenta.

Jambeiro trabalhou e se aposentou como Auditor Fiscal e diz que optou pelo Direito por ter ligação com seu ramo de atividade, mas também por abranger muitas áreas. Ainda vai escolher em qual delas seguir, mas já tem em mente, e já tem planos de futuro para depois da formatura. “Depois de concluir o curso, quero advogar ou atuar como conciliador. A minha experiência de vida pode ajudar a unir e não separar as pessoas”.

Na sala de aula, o dedicado estudante conta com apoio dos colegas. “Eles me respeitam e, muitas vezes, são parceiros, me ajudam e eu os ajudo também”. Em casa, o tempo agora é dividido entre os estudos e as obrigações e prazeres familiares. Osmar tem quatro filhos e dois netos. “A minha família sempre me apoiou. Sou muito amado”, conta com orgulho.

Bolsas de estudo para qualquer idade 


Desde a Educação Básica até o Ensino Superior, os estudantes de todas as idades podem contar com bolsas de estudo do Educa Mais Brasil. O programa tem como missão incentivar a inclusão educacional e já ajudou 450 mil alunos a concluírem os estudos com descontos na mensalidade de até 70%. Quer ter o benefício? Acesse: www.educamaisbrasil.com.br

Média Salarial do Curso de Direito


Ficou interessado pelo curso escolhido por Osmar Jambeiro? A média salarial de um advogado no Brasil é de R$ 4.374,43, baseado nos dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), do Ministério do Trabalho.

Fonte: Vanessa Casaes - Ascom Educa Mais Brasil

Nenhum comentário

Postar um comentário

Agradecemos pelo seu comentário!