Nem todo atraso ou inadimplência de pensão alimentícia se traduz em crime

3 comentários
goo.gl/HnnvLJ | A 4ª Câmara Criminal do TJ manteve decisão que rejeitou denúncia contra um homem pela prática do crime de abandono material, consubstanciado na inadimplência temporária da pensão alimentícia devida aos filhos. O argumento do juiz, mantido pelo colegiado, é de que os fatos criminosos imputados não foram descritos suficientemente na peça acusatória.

O desembargador Alexandre d'Ivanenko, relator da matéria, explicou que o Ministério Público aponta que o denunciado não honrou com o pagamento da pensão alimentícia, todavia não indica as razões que motivaram o réu a faltar com sua obrigação. "Assim, forçoso reconhecer a inépcia da denúncia, porque não foram descritos suficientemente os fatos criminosos imputados ao denunciado, violando, por conseguinte, os princípios do devido processo legal, da ampla defesa e da dignidade da pessoa humana, já que o réu se defende dos fatos especificamente narrados", anotou.

Segundo o relator, não basta dizer que o inadimplemento se deu sem justa causa se tal circunstância não está demonstrada nos autos com elementos concretos. "Do contrário, toda e qualquer inadimplência alimentícia será crime e não é essa a intenção da Lei Penal", concluiu o desembargador. A decisão foi unânime (Recurso em Sentido Estrito n. 0002159-40.2014.8.24.0014).

*(Foto meramente ilustrativa: reprodução Internet)

Fonte: portal.tjsc.jus.br

3 comentários

  1. E se a mae muda de cidade sem deixar telefone ou contato algum para qur vice tenha acesso a seus filhos? Inclusive cancela conta para dificultar deposito da pensão? O pai ainda é considerado "criminoso %??

    ResponderExcluir
  2. Apontar que tal circunstância não o tornaria "criminoso" seria um tanto que arriscado, considerando diversas decisões absurdas que são presenciadas diariamente. Contudo, a fim de evitar qualquer dor de cabeça futura, é possível realizar o depósito em juízo. Procure um advogado e entre com os meios cabíveis para regularizar essa situação, pois, desta forma, além de cumprir com a obrigação, o direito do menor será resguardado.

    ResponderExcluir
  3. Depois de 5 anos sem pagar vai preso?

    ResponderExcluir

Agradecemos pelo seu comentário!