A coisa não está engrenando, Doutor? Dicas para impulsionar os seus negócios

Nenhum comentário
goo.gl/iQPBvv | Que os negócios não estão indo bem para vários segmentos, é fato.

Que a Advocacia fora atingida, não tenho dúvidas!

Que o profissional criativo deve munir-se de arsenal diferenciado para sobreviver, é imprescindível.

Que, mesmo com 13,2 milhões de desempregados no país, você e eu precisamos sobreviver, é incontestável.

Entenda que a crise não é mais desculpa para ninguém. Virou até clichê culpa-la pelos infortúnios profissionais, pois a criatividade deve prevalecer ante a crise!

Desta feita, o quê fazer?


Sentar e lamentar não convém.

Arrear as armas é desprezível.

Dizer que está tudo bem quando não está, é balela. E falso discurso.

Ser positivo aos extremos, mas não ser prático, criativo e hábil para reverter circunstâncias é autoajuda precária, ilusória e deficitária. Tenha os pés nos chão!

Algo precisa ser feito e vamos logo às dicas da Burégio:


- Aumente sua rede de contatos. Converse com amigos e clientes, peça indicações, entregue cartões de visitas a alguns deles.

- Ao seguir a dica acima, nada de lamentar, contar detalhes de sua vida privada e mostrar fraqueza.

A dica é demonstrar franqueza. Franqueza é bem diferente de fraqueza. Sinceridade é o oposto da autossuficiência. Amigos são joias preciosas e raras nos dias atuais, mas ainda existem e você deve ter e manter um punhado deles.

- Enxugue gastos do seu escritório.

Quem disse que usar os dois lados de uma folha A4 é pecado? Quem disse que você mesmo fazer os serviços de higiene e limpeza de sua sala é insano? Quem disse que sua honra será abalada se levar diariamente uma marmita saudável para o seu escritório?

Quem guarda tem! Lembre-se disto!

- Se você é da ‘turma da ostentação’ e das baladas, está na hora de dar um adeus, pelo menos, por ora, para tais costumes. Viva de maneira modesta, íntegra, reta e na sua realidade.

Fuja da ostentação e da falsa burguesia! Você não precisa provar nada para ninguém!

Vivi num Estado da Federação em que o lema ali nos anos 90, era: - Viva o luxo e morra o bucho! Vi cada coisa naquele lindo lugar e aprendi a ser mais modesta ainda em questões de sobrevivência.

- Mais uma vez recomendo que você apareça nas redes sociais de forma moderada, modesta, mas firme e constante.

Nada de remeter um artigo a cada 60 dias para uma plataforma na internet. Organize sua agenda diária e cumpra-a diligentemente.

Escreva artigos, exiba seus dotes de escritor (o Jusbrasil, por exemplo, é um ótimo e democrático espaço). Entenda que a arte de escrever é algo espetacular, além de enxotar melancolia e desassossego na alma. Experimente!

- Esteja presente em reuniões de classes. Mostre a cara. Crie links, aumente sua rede de amizades, firme novos contratos com empresários, empregados, pessoas físicas; enfim, apareça e cresça!

- Se você frequenta alguma igreja, seita, congregação, retiro espiritual, será que todos os membros sabem que você é Advogado (a)? Divulgue sua profissão aos seus amigos de crença;

- Ande sempre com uma boa quantidade de cartão de apresentação, e, na primeira oportunidade, entregue-os aos novos contatos firmados. Se conhecer uma nova pessoa, na primeira ocasião, trate de criar um tema que você precise falar da necessidade de um Advogado para resolver determinadas demandas.

Recordo-me claramente que até num velório já pediram-me meu cartão de visitas. Na hora, pensei: - Lute, Fátima! Lute mesmo! Ainda que em meio a um doloroso luto!

- Seja organizado, disciplinado, saiba gerir o seu negócio, pois ele é a sua vida.

O cearense Raimundo Fagner diz que

sem o seu trabalho o homem não tem honra e sem a sua honra, se morre, se mata, e, não dá pra ser feliz!

- Saiba que há um tempo para todo o proposito debaixo do céu: Tempo de plantar; tempo de colher; tempo de ajuntar; tempo de jogar fora; tempo de estar perto e tempo de afastar-se.

Não sei, sinceramente, em que tempo você está; mas atente que se você usar estratégias sábias, pontuais e certeiras, saberá valorizar cada estágio, cada tempo de sua preciosa vida e carreira.

____________________

Fátima Burégio
Especalista em Processo Civil, Responsabilidade Civil e Contratos
Dra Fátima Burégio, Advogada, Banca Burégio Advocacia em Recife-PE, Especialista em Processo Civil pelo Instituto de Magistrados do Nordeste, atuante em Direito Civil, Pós Graduada Responsabilidade Civil e Contratos pelo Rio Grande do Sul, formada em Conciliação, Mediação e Arbitragem pelo INAMA. Curso Defesa do Consumidor pelo Instituto Luiz Mário Moutinho, Curso de Combate à Corrupção MPPE. Cursando Pós Graduação em D.Trabalho e Previdência pelo IMN, Formação Extensão Prática Cotidiana D.Família e Sucessões OAB Federal e ENA. Atua na área Cível, Família, Consumidor, Empresarial, Previdenciário, Trabalhista, Contratos, Obrigações, Propriedade, e Responsabilidade Civil. buregioadvocacia@outlook.com Fone/Wpp 81-99210-1566 Site https://fatimaburegioadvocacia.wordpress.com
Fonte: Jus Brasil

Nenhum comentário

Postar um comentário

Agradecemos pelo seu comentário!