Acompanhe o novo site direitonews.com.br

Medida extrema: réu tem a boca tapada com fita adesiva por ordem de juiz do tribunal

6 comentários
goo.gl/xXkkaC | Um juiz de um tribunal em Cuyahoga (Ohio, EUA) ordenou que a boca de um réu fosse tapada com fita adesiva a fim de que ele parasse de falar sem autorização durante audiência.

Em dezembro de 2017, Franklyn Williams, de 32 anos, foi condenado por roubo, sequestro e fraude com cartão de crédito. Ano passado, ele teve a sentença de 24 anos de prisão proferida pelo juiz John Russo.


Durante a audiência, Franklyn se mostrou agitado, contou o canal Fox8. Após várias advertências ignoradas, ele foi submetido à medida extrema.

"Minha ideia não era silenciar o senhor Williams para sempre. Ele teria tempo para falar quando fosse adequado", disse o magistrado.

Do Extra
Fonte: www.midianews.com.br

6 comentários

  1. Anônimo2/8/18 21:36

    País onde o poder de polícia funciona é outra história. Aqui nos restaria um "defensor" público urdindo uma punição do juiz.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo4/2/19 14:56

      Larga de ser idiota, se quer um pais assim vai para os EUA!

      Excluir
  2. Anônimo2/8/18 21:53

    o brilhantismo do sistema judiciário americano nunca deixa de me surpreender....
    aos ignorantes, isso foi sarcasmo

    ResponderExcluir
  3. Leis são para serem seguidas e não questionadas.
    Vão falar que o réu era negro e coisa e tal.
    Não é por aí. Não respeito a lei foi punido. Ponto.

    ResponderExcluir
  4. Dificil expressar opiniao sem conhecer o processo, as provas, e as circunstancias dos crimes...mas se o reu estivesse apenas se sentindo injusticado e fosse inocente? nao seria a primeira vez disso ocorrer...mas como disse, precisaria conhecer mais a fundo todo o caso. Por outro lado...foi um ato extremo...espero que nao se torne rotina. A melhor forma de se calar alguem...e permitir que tenha um tempo para se defender, argumentar, convencer, contestar.

    ResponderExcluir
  5. Melhor resposta! É aquele velho ditado, quando escutamos apenas a versão da chapeuzinho vermelho, o lobo mal sempre será mal. Opinar sem conhecer os autos não é a maneira adequada, pois pode haver equívocos.

    ResponderExcluir

Agradecemos pelo seu comentário!