Médico que fez parto de filho de Neymar aguarda indenização após decisão da Justiça

Um comentário
bit.ly/30KbEDF | Em sentença publicada pela Justiça em março deste ano, Neymar foi condenado a pagar R$ 46 mil ao médico Herbert Kramer e seus assistentes pelo serviço prestado no parto de Davi Lucca, filho do atacante, em 2011. Um mês depois, a Justiça pediu que fosse feita uma checagem para ver se o pagamento tinha sido feito. De acordo com o UOL Esporte, o doutor ainda aguarda indenização.

O UOL, no entanto, teve acesso ao comprovante da operação que indica que um depósito no valor da decisão judicial foi feito logo após a publicação dela. A assessoria de Neymar afirma que o pagamento foi realizado assim que a Justiça fixou os valores. Pessoas ligadas ao médico e procuradas pelo UOL, porém, informaram que o valor seria referente aos dois profissionais que trabalharam com Kramer.

Em dezembro de 2017, o Tribunal de Justiça de São Paulo já havia determinado que Neymar e Carolina Dantas pagassem o médico, pois sabiam que o serviço de parto não estava previsto no plano de saúde. Na época, a família do craque contestou o valor e disse que Kramer usou a fama do jogador para pedir um valor muito acima do mercado.

Fonte: istoe.com.br

Um comentário

Agradecemos pelo seu comentário!