Exercício ilegal da profissão: Polícia Civil prende falsa advogada em Belém

Nenhum comentário
bit.ly/2QzmiZl | Nesta terça-feira (28) a Polícia Civil prendeu uma mulher de 32 anos que se passava por advogada em Belém.

A suspeita foi denunciada pelo Ministério Público do Estado (MPPA) por estelionato, falsidade ideológica e exercício ilegal da profissão.

Em 2015, ela assinou um contrato para prestar consultoria jurídica a um condomínio e chegou a receber R$ 54 mil reais em pagamentos, mas não era advogada e usava o número do registro da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de outra pessoa.

A presa foi conduzida ao Sistema Penitenciário para ficar à disposição da Justiça.

Fonte: g1 globo

Nenhum comentário

Postar um comentário

Agradecemos pelo seu comentário!