Caio, Tício, Mévio e até Semprônio: por que todo acadêmico de Direito já ouviu falar deles?

Se você foi ou ainda é acadêmico de Direito já ouviu, ou ouvirá, da boca de algum mestre, os nomes Caio, Tício, Mévio e talvez tenha ouvido falar também do célebre Semprônio.

Sempre que algum professor, ao exemplificar qualquer tipo de caso, precisa nomear aquele que transcorre em ato ilícito, tais nomes lhe vêm à boca.

A frequência e a intimidade com que se recorre a esses nomes é tamanha que só se comparam ao famoso Joãozinho, das piadas de traquinagem, e ao Manoel, das piadas sobre português.

Mas por que justamente Caio, Tício, Semprônio e Mévio?

O que esse quarteto fez pra merecer isso? Por que não Pedro, Paulo, Lucas e Joaquim? A explicação é simples: estes nomes em italiano são usados tal como os nossos “Fulano, Beltrano e Sicrano”. Como o Direito Penal Brasileiro sofreu grande influência de autores italianos, possivelmente na tradução preferiram manter os nomes próprios dos delinquentes italianos.

Por curiosidade, eis a transcrição dos verbetes do famoso Dizionario Devoto-Oli della Lingua Italiana:

Tizio [Tì-zio] s.m. Nome che insieme a Caio e Sempronio indica una persona indeterminata: “è venuto un tizio a cercarti”; spreg., persona di nessuna importanza (in questo caso anche f. –a): “non permetterò a un tizio qualsiasi di mettermi i bastoni fra le ruote; ti ha poi ritelefonato la Tizia?”

Dal prenome lat. Titius, molto com. nell’antica Roma | 1879

Caio [Cà-io] s.m. Nome che insieme a Tizio e a Sempronio viene spesso usato per indicare una persona qualsiasi.

Dal prenome lat. Gaius, per l’errata lettura della grafia arc. in cui ‘C’ valeva anche per ‘G’ | 1768

Sempronio [Sem-prò-nio] s.m. Nome che insieme a Tizio e a Caio viene spesso adoperato per indicare una persona qualsiasi.

Dal prenome lat. Sempronius, molto comune nell’antica Roma | 1873

O nome do vilão predileto de 9 entre 10 penalistas (eu, por exemplo, prefiro o Tião Medonho), também tem origem no italiano:

Mevio [mè-vio] s.m., lett.Poetastro o critico tanto malevolo quanto incompetente.

Dal nome del verseggiatore romano Mevio (sec. I a.C.), detrattore di Virgilio e in polemica con lo stesso e con Orazio | prima del 1907

Como você pôde estudar Direito por tanto tempo sem saber disso?

Por ​​Túlio Vianna
Fonte: museutuliovianna.wordpress.com

O que você achou desse conteúdo? Participe com sua Reaction abaixo:

0/Comentários

Agradecemos pelo seu comentário!

Anterior Próxima