Advogado que criticou STF em voo com Ricardo Lewandowski é preso pela PF; vídeo

8 comentários
goo.gl/G1qs97 | A Polícia Federal prendeu um passageiro que criticou o Supremo Tribunal Federal (STF), nesta terça-feira (04), ao encontrar o ministro Ricardo Lewandowski em um voo entre São Paulo e Brasília. De acordo com informações da Polícia Federal, o homem que é advogado foi levado para a Superintendência Regional da corporação no Distrito Federal, após a aeronave pousar na capital.

No vídeo, o passageiro chama o ministro e diz que "o STF é uma vergonha". Então Lewandowski reage à crítica e pede a presença da Polícia Federal na aeronave. "Você quer ser preso?", indaga ao autor das críticas. "Chama a Polícia Federal", diz, em seguida, para um comissário de bordo (assista abaixo).

No momento da discussão, a aeronave ainda se encontrava em solo e nenhuma prisão foi realizada. Lewandowski e o autor da crítica seguiram viagens juntos, lado a lado. Quando o avião chegou ao Aeroporto JK, na capital federal, o homem foi conduzido por policiais federais.

"O rapaz foi conduzido para a SR DF, onde está sendo ouvido, a ocorrência está em andamento e análise do delegado responsável", informa um comunicado da corporação enviado a pedido do Correio. Procurado pela reportagem, o STF não havia se manifestado sobre o assunto até a última atualização desta matéria.



Lewandowski se irrita em voo e pede prisão de passageiro

Renato Souza
Fonte: www.correiobraziliense.com.br

8 comentários

  1. Vi uma outra notícia onde um cliente chamou um advogado de canalha e disse que ele era advogado de porta de cadeia. A juíza do caso considerou improcedente a ação movida pelo causídico. No caso em tela a ofensa não foi sequer ao ministro e sim à instituição. Mas se falar de deus já dá problema, imagina falar do olimpo. Vergonha mesmo dessa instituição.

    ResponderExcluir
  2. Gente, quer vergonha maior que o alimento de 16 porcento?

    ResponderExcluir
  3. Maluco foi corrigir e piorou foi tudo... Aposto uma continência que votou no "Mitu". Kkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  4. É bom o i. Ministro se preparar pra “mandar” prender milhões de brasileiros. Esse sentimento se alastra... isso não é bom para o judiciário é muito menos para a democracia!

    ResponderExcluir
  5. Não adianta criticar. Temos que fazer uma reforma constitucional para eliminar a indicação dos Desembargadores e ministros por Políticos. Pois os políticos indicam advogados do partidos e amigos íntimos, as vezes pessoas de pior estirpe moral. A indicação para Ministros, deve ser ater em capacitação profissional, conduta moral, ética e ilibada, acima de qualquer dúvida. Enquanto no STF tiver apenas apaniguados de políticos, teremos o pior Poder Judiciário do mundo ! Reforma Constitucional já para alterar a nomeação/indicação dos Ministros e Desembargadores aos Tribunais que se destinam !

    ResponderExcluir

Agradecemos pelo seu comentário!