Acompanhe o novo site direitonews.com.br

7.888 vagas: INSS tem pedido de concurso reaberto no Ministério da Economia

Nenhum comentário
goo.gl/gHD7fZ | Um dos concursos mais aguardados do país voltou a registrar movimentações. O pedido de autorização para um novo certame do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) foi reaberto no Ministério da Economia, pasta que absorveu o extinto Ministério do Planejamento.

As ações foram registradas na última segunda-feira, 7. Segundo os últimos andamentos, o processo foi concluído na Divisão de Concursos Públicos e remetido pela unidade Dicop-SGP. Confira os últimos andamentos:

Todas as expectativas estão voltadas para uma autorização em breve. Entretanto, o pedido continua em análise, sem data para conclusão.

O que tem animado muita gente é que, o Projeto de Lei Orçamentária Anual (PLOA) para 2019 prevê recursos para inscrição em concurso e processo seletivo na seguridade social. A PLOA foi aprovada pelo Congresso Nacional em dezembro e aguarda sanção do presidente.

De acordo com o texto, a previsão de receita é de R$ 10.745.945 para inscrições em concursos públicos ou processos seletivos. O valor está incluído entre as despesas do Orçamento da Seguridade Social.

No mês de dezembro, muitos órgãos federais que haviam solicitado autorização para novos concursos tiveram seus pedidos arquivados. Entre eles, estava um dos protocolos do INSS.

Entretanto, de acordo com o Ministério do Desenvolvimento Social, atual Ministério da Cidadania, a solicitação arquivado referia-se ou pedido de convocação dos remanescentes do último certame, cuja validade expirou em julho de 2018.

Concursos INSS 2019: Aposentadorias são preocupantes


Apenas nos primeiros cinco dias úteis deste ano, o INSS perdeu 676 servidores, que entraram com pedido de aposentadoria. O número equivale a quatro vezes o total de aposentados no mês de janeiro do ano passado.

O índice, que é preocupante por si só, fica ainda mais alarmante quando somado aos mais de 16 mil postos vagos no órgão. Sem concurso com validade ativa, o instituto depende do concurso INSS 2019 para suprir a carência de funcionários.

De acordo com dados apresentados pelo jornal O Globo nesta quarta-feira, 9, atualmente a autarquia tem 31.572 servidores. Desses, mais de um terço, 10.804, estão aptos para entrar com pedido de aposentadoria.

A situação do Rio de Janeiro, entre todas as unidades federativas, é uma das mais preocupantes. Mais da metade dos funcionários do órgão reúnem os requisitos necessários para se aposentar.

Enquanto o pedido segue em análise pelo Ministério da Economia, o INSS está adotando medidas para reter servidores. Entre elas, home office e bônus de R$ 60,00 por processo concluído. Especialistas, no entanto, não acreditam que as ações conseguirão evitar as aposentadorias.

A solicitação para o concurso INSS 2019 conta com 7.888 vagas. As oportunidades estão distribuídas entre os cargos de técnico (nível médio), analista e perito (ambos de nível superior). Os vencimentos iniciais variam entre R$ 5.186,79 e R$ 12.638,79.

Leticia Povoa
Fonte: editalconcursosbrasil.com.br

Nenhum comentário

Postar um comentário

Agradecemos pelo seu comentário!