Presidente do Senado fala em defender Estado Democrático de Direito

Via @jornaldebrasilia | O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), se manifestou nesta terça-feira (7), dia marcado pelas manifestações pró-Jair Bolsonaro. Pacheco falou em união do país e “absoluta defesa do Estado Democrático de Direito”.

“Ao tempo em que se celebra o Dia da Independência, expressão forte da liberdade nacional, não deixemos de compreender a nossa mais evidente dependência de algo que deve unir o Brasil: a absoluta defesa do Estado Democrático de Direito”, escreveu Pacheco no Twitter.

Ao falar em Estado Democrático de Direito, Pacheco se posiciona diante das ameaças de Bolsonaro ao Supremo Tribunal Federal (STF) e à democracia. Manifestantes na Esplanada dos Ministérios gritam palavras de ordem prevendo uma invasão ao STF e ao Congresso Nacional.

Em meio à tensão entre Poderes, Pacheco, o presidente da Câmara, Arthur Lira, e o presidente do STF, Luiz Fux, não participaram da cerimônia de hasteamento da bandeira mais cedo, no Palácio da Alvorada. Bolsonaro acompanhou o evento ao lado da primeira-dama, Michelle Bolsonaro, e de aliados.

Entre os ministros presentes, a maioria estava sem máscara de proteção facial contra a covid-19. Os ministros Marcelo Queiroga (Saúde), Paulo Guedes (Economia), Flávia Arruda (Secretaria de Governo) e Tereza Cristina (Agricultura) usavam a proteção.

Fonte: jornaldebrasilia.com.br

O que você achou desse conteúdo? Participe com sua Reaction abaixo:

0/Comentários

Agradecemos pelo seu comentário!

Anterior Próxima