R$ 90 mil: advogada é acusada de receber dinheiro de cliente e desviar

Nenhum comentário
goo.gl/zgfuvf | Uma advogada do município de Lagarto, está sendo acusada de cobrar e receber R$ 90 mil de um cliente para fazer o inventário da família há cerca de um ano e até o momento não realizar nada.

O policial militar aposentado, Claudemir Vieira Rocha, morador de Lagarto fez uma grave acusação contra uma advogada que teria segundo ele, cobrou R$ 90 mil para realizar pagamentos de impostos e o seu honorário, mas acabou não prestando o serviço.

Em entrevista na manhã desta terça-feira (26), Claudemir Vieira afirmou que “estou transtornado. Eu e minha família demos noventa mil reais para que ela fizesse o trabalho mas até hoje ela não fez e além disso, tive que fazer um empréstimo para poder pagar o imposto da terra, porque senão a gente ia perder a terra”, relatou o aposentado em entrevista ao programa jornal da FAN.

Ele contou ainda que havia sido marcado para o dia 15 de maio uma audiência na sede da Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Sergipe, o que acabou sendo adiada por conta de um pedido vistas por um dos conselheiros.

Sentindo-se constrangido, Claudemir informou ainda que em seguida foi marcada uma nova audiência na OAB que deveria ocorrer no dia 12 de junho e mais uma vez foi adiado após um novo pedido de vistas.

Um outro fado declarado pelo militar da reserva é que por conta dessa situação, já que a família pagou as despesas por duas vezes, acabou sendo obrigado a vender o próprio carro.

O presidente em exercício da OAB/SE, o advogado Aurélio Belem, tomou conhecimento através do jornal da FAN e disse que irá tomar todas as providências que o caso requer. Belem explicou que o pedido de vistas é normal e que está pronto para receber a suposta vitima da advogada.

O presidente garantiu que todos os trâmites legais serão adotados e que ainda hoje irá receber Claudemir que se comprometeu a ir até a OAB, conversar com membros da Ordem.

Fonte: www.faxaju.com.br

Nenhum comentário

Postar um comentário

Agradecemos pelo seu comentário!