Notícias

Curiosidades

Dicas

Artigos

Pai mata filho com disparo de arma de fogo acidental e diz que manterá arma em casa

goo.gl/fQgklT | O norte-americano William Brumby, de 64 anos, matou o próprio filho, Stephen Brumby, de 14 anos, após disparar acidentalmente contra ele no último domingo (3), na Flórida, nos Estados Unidos. Apesar do acidente, o homem, que tem outros seis filhos, afirma que irá manter a arma em casa. As informações são da CNN.



O homem havia levado três filhos para visitar uma pista de tiro na cidade de Sarasota, quando fez um disparo e uma das balas ricocheteou em uma parede e caiu na parte de trás de sua blusa. Em seguida, ele decidiu usar a ponta da própria arma para remover a cápsula, mas acabou se atrapalhando e atirando para trás por acidente. O disparo acertou Stephen, que não resistiu aos ferimentos.

Em entrevista à CNN, o pai explicou que visitou o local com os filhos porque gostaria que eles ficassem confortáveis quando estivessem próximos a uma arma.

"Foi um acidente muito esquisito. Infelizmente cometi um erro", disse, antes de defender o porte de arma. "Não se pode errar com uma arma na mão, mas também não se pode errar na medicina e em inúmeras outras situações", acrescentando que não abrirá mão de ter um revólver em sua casa.

Os irmãos que presenciaram a cena não ficaram feridos. A polícia está investigando o caso.



William com sua esposa e mãe de Stephen (Foto: Reprodução/Facebook)



Família Brumby (Foto: Reprodução/Facebook)

Fonte: redetv uol

Nenhum comentário :

Agradecemos pelo seu comentário!