Notícias

Curiosidades

Dicas

Artigos

Exercícios necessários: como passar pelos testes de aptidão física (TAF) em concursos

goo.gl/WgrmD2 | Recentemente, matéria divulgada pelo Portal TNH1 revelou que parte dos candidatos dos concursos público para provimento de vagas na Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar tinha um grande temor em comum: a prova de aptidão física.

A verdade é que não há muito o que temer nessa etapa do processo seletivo, ainda mais quando o candidato se prepara e conhece seu próprio perfil. Basta encarar essa etapa da preparação com a mesma seriedade que o faz na parte teórica.

A seguir, trazemos dicas especiais para enfrentar o teste de aptidão física sem medo. Vamos lá?

Comece a se preparar com antecedência

O ideal é não esperar que você passe na prova escrita para, só depois, se preparar para o TAF. Lembre-se de que o corpo precisa de tempo para se ajustar às novas demandas, por isso, a tentativa de obter resultados físicos apressadamente pode trazer consequências sérias, como lesões que vão comprometer o seu teste, além de mau súbito.

Cuide da sua saúde e procure descansar bem

Você já dispende de muita energia durante sua maratona de estudos e treinos, não é verdade? Portanto, é importante recompensar seu organismo com uma boa alimentação feita em intervalos regulares.

Preocupe-se, também, como um sono de qualidade. Parte da preparação é feita ainda no período de descanso, enquanto o corpo se recupera do esforço físico e mental. É nesse momento que o organismo se refaz as micro lesões provocadas pelo treino, além de ajustar o corpo para as novas demandas.

Treine para fazer além do que o teste cobra

Concurseiro bem sabe o quanto o nervosismo tende a reduzir o seu desempenho na hora da prova. Para evitar problemas, prepare-se de forma a cumprir além do que será exigido no seu teste. Por exemplo, se forem cobradas 10 barras, acostume-se a fazer, pelo menos 15. Caso seu teste inclua uma corrida de 12 minutos, prepare-se para correr durante 20 minutos, de forma natural.

Apesar das condições adversas do dia, essa estratégia vai te garantir um bom resultado.

Simule o dia da avaliação

Sabe quando você vai fazer o teste de direção e o instrutor te leva para conhecer o circuito de provas no Detran? É interessante fazer isso, também, nas provas de TAF. Conhecer o percurso vai te proporcionar maior segurança, além de evitar imprevistos.

Desse modo, quando começar a sentir que tem bom condicionamento, comece a treinar no mesmo horário em que o exame de aptidão física será aplicado. Caso isso não for possível, tente fazer, pelo menos, um dia da semana (durante o fim de semana, por exemplo).

Outra coisa: em certas provas, o teste acontece em horário que faz muito calor. Então, é preciso se preparar para que essa condição não te desestabilize. Esse é mais um motivo pelo qual é importante conhecer o local da prova com antecedência.

Tome cuidado nos treinos

Candidato, o preparatório para o TAF não é, apenas, sair correndo ou fazendo os exercícios do teste. O ideal é começar aos poucos e ir intensificando gradativamente, a fim de evitar lesões. A recomendação de preparadores físicos é que você desenvolva valências necessárias para cada atividade, ou seja, fortalecimento de grupos musculares adequados, melhora da flexibilidade, além da capacidade cardio-respiratória.

Caso tenha condições, contrate um profissional especializado em teste físico para concursos públicos. Ele pode te ajudar a atingir o condicionamento físico necessário para a aprovação, com menor esforço e sem correr o risco de lesões e interrupções.

Caso não seja viável, realidade da maior parte dos concurseiros, tente pesquisar orientações sobre como executar o treino. Excelentes especialistas expõem suas recomendações sobre o assunto em livros, blogs e entrevistas.

Fonte: editalconcursosbrasil.com.br

Nenhum comentário :

Agradecemos pelo seu comentário!